Home Food A ARTE DO FUMEIRO – PREPARE O CHURRASCO PERFEITO COM AS NOSSAS DICAS

A ARTE DO FUMEIRO – PREPARE O CHURRASCO PERFEITO COM AS NOSSAS DICAS

por Food and Travel Portugal
A ARTE DO FUMEIRO – PREPARE O CHURRASCO PERFEITO COM AS NOSSAS DICAS

Acenda as brasas – nós preparamos o guia definitivo com tudo o que precisa de saber para se tornar um verdadeiro profissional do churrasco!

O fumo é a essência de qualquer churrasco, mas poucos dominam esta verdadeira arte na perfeição. É uma habilidade que começa com a escolha da madeira ideal para produzir as brasas perfeitas e termina com a madeira que vai dar o sabor desejado aos seus pratos.

Sustentável e natural, o carvão é a melhor opção para começar, uma vez que dá bom calor e confere aquele sabor da brasa, tão característico do verão. As acendalhas vão queimar durante horas, mantendo a temperatura e protegendo o ambiente. O carvão natural não contém produtos nocivos à saúde deixando apenas o sabor puro da grelha. Este carvão é feito com uma mistura de madeira de carvalho, faia e cinzas, submetidas a altíssimas temperaturas até se tornarem carvão, criando um sabor que não é possível reproduzir num grelhado de forno.

A seguir, selecione a madeira. O guia desta página (ver abaixo) apresenta os pares de carne e madeira, de modo a proporcionar um conjunto de sabores e cores perfeitos. Como regra geral, evite madeiras macias que deixam um travo acre. As madeiras rígidas, por outro lado, oferecem um espectro de sabores e aromas variados. As madeiras frutíferas tendem a ser mais suaves no sabor e acrescentam notas adocicadas ao churrasco, enquanto a nogueira, o ácer e o carvalho criam um tom de mogno nas carnes vermelhas.

O fumo também é produzido pelo pingar da gordura ou da marinada nas brasas, pelo que não pode esperar sempre o mesmo sabor dos grelhados. Grelhar não é uma ciência exata, mas pode acreditar que quanto mais praticar, mais pormenores vai descobrir e melhor vai controlar todo o processo.

Para o melhor fumeiro possível, certifique-se de que a temperatura do grelhador não excede os 200ºC. Mais ou menos a meio da cozedura do alimento, junte ao carvão a madeira que escolheu e ajuste a localização da grelha para que o fumo “beije” a carne. Os profissionais da grelha dividem-se quanto à utilização ou não de água. Uns defendem que qualquer líquido vai evaporar antes mesmo de chegar ao alimento. Já outros acreditam que salpicar as chamas faz com que a madeira fume mais, mas não queime tão rápido.

Utilize grandes pedaços de madeira para assar pedaços grandes de carne, lentamente e em baixas temperaturas, proporcionando mais tempo de exposição ao fumo e portanto, mais sabor. Os pedaços pequenos devem ser usados para grelhar pedaços de carne ou peixe mais pequenos, como filetes de peixe ou pedaços de frango, que necessitam apenas de 10 ou 15 minutos de fumo na fase final da grelha. Tome sempre cuidado para não deixar a madeira queimar, ou a carne ganhará um travo amargo. Utilize pinças para remover os pedaços de madeira queimados.

Quando ganhar confiança, experimente misturar madeiras diferentes para ganhar novos sabores. Há todo um mundo de madeiras à sua espera porque, como dizem, não há fumo sem fogo.

QUE TIPO DE MADEIRA DEVO USAR?

Experimente a madeira natural como forma de aumentar o sabor do seu churrasco, seja carne ou vegetais. Experimente também uma madeira que combine com o que vai grelhar.

CARNE DE VACA – CARVALHO: Excelente e versátil, esta madeira é perfeita para carnes vermelhas pesadas. O carvalho dá um sabor de terra, levemente amadeirado, permitindo que o ingrediente principal possa brilhar.

PEIXE – FAIA: A fragrância almiscarada que sai desta madeira é excelente para peixes, mas também é muito apropriada para aves.

PORCO – NOGUEIRA: Uma madeira clássica para churrascos, quando em chamas exala um odor forte que acrescenta sabor às carnes mais robustas.

PATO – CEREJEIRA: Leve e aromática, experimente esta madeira para fumar pato e peixes mais carnudos.

AVES – MACIEIRA: Delicada e com um travo a mel, esta madeira confere um sabor ímpar às aves, mas também combina com a carne de porco.

VEGETAIS – LOUREIRO: Subtil e floral, o louro dá um sabor fumado perfeito aos vegetais e também a peixes e aves.


MAPA DE CALOR

Use sempre este quadro de temperaturas para fazer grelhados perfeitos. Nunca mais apareça aos seus convidados com um pedaço de carne mal cozinhado.

TEMPOTEMPERATURA DO FOGOTEMPERATURA INTERNA
BIFE MALPASSADO5 MIN250ºC60ºC
LOMBO DE SALMÃO (300G)6 MIN350ºC63ºC
FRANGO INTEIRO (1,3 KG)1 H 20 MIN200ºC77ºC
PEITO DE FRANGO (200G)10 MIN180ºC75ºC
ROBALO INTEIRO6 MIN250ºC70ºC
SALSICHAS13 MIN300ºC73ºC
MAÇAROCA DE MILHO8 MIN300ºC80ºC

Veja algumas das receitas para churrasco que já foram publicadas no nosso website.

Veja outros artigos

Este website utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Assumimos que concorda com isto, no entanto pode optar por discordar. Aceitar Leia Mais