Home FoodChefs CHEF JENY SULEMANGE

CHEF JENY SULEMANGE

por Food and Travel Portugal
CHEF JENY SULEMANGE

A vida na cozinha começou muito cedo para esta moçambicana de Nampula. Jeny teve de fazer um longo percurso até chegar àquele que é considerado um dos melhores restaurantes de comida africana em Portugal, o Cantinho do Aziz, que até já tem uma sucursal em Inglaterra.

Cozinha desde criança, mas alguma vez pensou em ser chef?

Aos 10 anos comecei a fazer as tarefas de casa, a descascar batatas e lavar os pratos. Passava muito tempo na
cozinha com a minha avó, mas nunca gostei muito porque o fazia por obrigação. A ideia de ser chef nunca passou pela minha cabeça, sempre gostei de limpar, mas de cozinhar nem por isso! Quando fui viver para Inglaterra e trabalhava numa escola, um dia precisaram de um bolo para uma festa e eu ofereci-me para o fazer. Foi um sucesso, todos comeram e adoraram, e eu comecei a fazer bolos para eventos. No final, já fazia até bolos de casamento! Em 2013, vim parar ao Cantinho do Aziz.

Qual o prato que nunca vai poder tirar da ementa do Cantinho?

O makoufe, que é uma mistura de couve com molho de amendoim e de coco e leva camarão e caranguejo de Moçambique. Este prato é da minha terra, do norte de Moçambique, e foi com ele que vencemos um prémio, em 2013.

O premiado makoufe

Qual é o segredo do sucesso dos seus pratos? Afinal, há outros restaurantes em Lisboa, mas a cozinha da chef Jeny vem conquistando admiradores e fiéis seguidores…

Amor. Quando vim para Lisboa para cozinhar no Cantinho do Aziz vinha com receios e falta de confiança, porque num restaurante a pressão é maior. Lembro-me que o primeiro prato que fiz foi o caril de caranguejo e, no final, o cliente veio até a cozinha e disse “fantástico”. Isso bastou para, a partir daí, aumentar a minha confiança para continuar a cozinhar com dedicação. O outro segredo é dançar: enquanto cozinho, adoro ouvir uma boa kizomba ou música brasileira!

Fora a comida moçambicana, o que mais gosta de comer?

Adoro comida coreana, muito diferente mas ótima. Sempre que viajo procuro se há um restaurante coreano na cidade. Aliás, antes de viajar faço uma pesquisa dos coreanos à volta do hotel.

Chef Jeny

E viagens?

Amo viajar, mas detesto o stress de fazer mukuffusso (fazer a mala) e nós somos 4 e tenho de ser eu a fazer as malas de todos! Depois é a viagem em si, aeroportos, avião; sofro imenso, os ouvidos doem maningue (muito) preciso sempre de um dia para descansar quando chego ao destino. A próxima viagem será Marrocos. Já lá estive mas desta vez vou explorar um pouco mais, sou daquelas viajantes que prefere conhecer muito bem alguns lugares do que conhecer mal muitos.

E profissionalmente, qual a próxima paragem?

Nova Iorque, fui convidada a cozinhar na James Beard House uma instituição única e de renome mundial. O convite surgiu quando estava nos Pop Ups do Cantinho do Aziz em Nova Iorque e vou ser a primeira chef moçambicana a cozinhar naquela instituição!…

Este artigo foi publicado na edição de janeiro/fevereiro 2019 da Food and Travel Portugal

Veja outros artigos

Este website utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Assumimos que concorda com isto, no entanto pode optar por discordar. Aceitar Leia Mais