Início FoodDa Época ACELGAS

ACELGAS

by Food and Travel Portugal
ACELGAS

Ideais para preparar tartes, guisados e sopas, estas hortaliças coloridas são um dos alimentos mais saudáveis do mundo.

Clarissa Hyman

Adeus couves! Olá acelgas! Hoje temos uma seleção de folhas e talos multicoloridos que reluzem nos pratos. Estas plantas são conhecidas no mundo botânico como Beta vulgaris e suas origens remontam aos Jardins Suspensos da Babilónia.

A maioria das pessoas disse pelo menos uma vez algo do género “Nunca provei, mas não gosto de espinafres”. Muitos devem admitir ainda que pensaram o mesmo quando comeram acelgas pela primeira vez. Cheias de vitaminas, minerais, fibra e proteínas, as acelgas são uma “super-hortaliça”.

O sabor pega-nos de surpresa da primeira vez: complexo e terroso e ao mesmo tempo sedoso e refinado. Os talos, cozinhados em separado como os espargos, são delicados e distintivos.

O facto das acelgas serem uma fonte abundante de nutrientes e um dos alimentos mais saudáveis do mundo, é um bónus.

As acelgas fazem lembrar a beterraba, mas possuem folhas grandes e talos carnudos, no lugar de raízes em forma de bolbos com muita substância. São conhecidas por vários nomes como folhas de beterraba, beterraba branca, espinafres de beterraba e acelgas. (Foram encontrados manuscritos que falam desta planta desde a Mesopotâmia, com várias menções no mundo árabe, onde era utilizada para preparar tagines, pratos com arroz e recheios).

Também era utilizada como planta medicinal. A colocasia é um prato egípcio com inhame e que se cozinha tradicionalmente com acelgas, alho e coentros frescos.

Em algumas preparações romanas e medievais as acelgas eram consideradas um ingrediente essencial, fazendo parte também de muitas receitas gregas e mediterrânicas, uma vez que, originalmente, era uma planta que se encontrava no litoral. Elas são a base indispensável para preparar a popular tarte provençal, tourte de blettes, ou torta de acelgas. A receita mantém um toque medieval na sua mistura de folhas de acelga, passas, maçãs, pinhões, limão e queijo. Uma antiga receita de Auvergne, em França, chamada le pounti, é uma salsicha de acelgas com presunto a que também se podem juntar ameixas e passas. Blitva é um acompanhamento tradicional da Croácia que leva acelga, batatas e alho.

A acelga pode ser cultivada durante todo o ano. Mesmo com as folhas cortadas a planta pode regenerar-se e continuar a produzir brotos. As acelgas mistas, conhecidas por acelgas arco-íris, possuem uma grande gama de cores. Na cozinha, as de cor vermelha e rosa e talos amarelos ficam espetaculares. As acelgas-ruibarbo têm folhas verdes e talos vermelhos enquanto as acelgas-rubi têm folhas e talos vermelhos.

As folhas novas também se podem utilizar para preparar saladas; assim como os espinafres são ideais para saltear em azeite e alho. De facto, os espinafres são um bom ponto de referência para saber como preparar as acelgas, utilizando-as depois em tartes, guisados, sopas e massas ouapenas como capa para rechear. Os seus companheiros naturais são o ovo, o tomate, o azeite e o limão, assim como todo o tipo de queijos. Pode juntar-se a qualquer sopa, mesmo às mais robustas, com carnes ou enchidos.

O chef irlandês Denis Cotter criou uma receita de beringelas recheadas de acelgas e pinhões e molho de pimento assado. Mesmo que as acelgas sejam muito grandes, explica o chef, podes sempre saltear-se os talos à parte com azeite e vinho branco até ficarem macios e suculentos.

Pense nas acelgas como uma beterraba com mais atitude, cujas folhas brilhantes e os talos suaves e multicoloridos transformam pratos em verdadeiras obras de arte. Sem dúvida, este pode ser o início de um verdadeiro caso de amor.


SABIA QUE…

⇒ A acelga possui menos ácido oxálico do que o espinafre, o que permite ao corpo absorver mais facilmente os nutrientes. Assim, é recomendável fervê-las ligeiramente se quiser eliminar o mais possível esse ácido
⇒ a acelga conserva-se melhor que os espinafres, mas não espere mais de 2 dias para as cozinhar ou os talos enrijecem e as folhas perdem a sua doçura
⇒ a palavra acelga provém do vocábulo árabe al-silq, que significa beterraba verde
⇒ entre outras coisas, as acelgas contém dois carotenóides. Em alguns estudos, indica-se que a acelga ajuda a proteger a visão.

 

 

RECEITAS:

ACELGAS ARCO-ÍRIS COM GORGONZOLA DOCE E MIGAS DE PINHÕES

LENTILHAS COM ACELGAS E TOMATES

ALMÔNDEGAS ASIÁTICAS DE CARNE DE PORCO COM ACELGAS EM CALDO AGRIDOCE DE FRANGO

TOFU MARINADO COM ACELGAS ARCO-ÍRIS E COGUMELOS


Veja outros artigos